Graça Machel sobre Mandela: “Ele era meu marido”

Nelson Mandela e Graça Machel: foto reprodução

Global – Para o resto do mundo, o ativista dos direitos civis, Nelson Mandela – que morreu na quinta-feira aos 95 anos – era um ícone. Mas para a viúva dele, Graça Machel, “ele era apenas o meu marido”.

Ele não é um santo”, disse ela. “Ele é um ícone para o mundo. Mas para nós em casa, realmente, ele é um chefe de família. É um pai,  um avô, bisavô. Eu não acho que, por exemplo, que os meus netos têm qualquer noção do que é ter um avô que é um ícone. Eles veem ele como um avô. É isso. E eu sei, que, quando voltarmos para casa, ele é só meu marido. ” – disse ela em uma entrevista  concedida em 2002. Uma realidade que acompanhou o casal até o seu desencarno.

Além de seu envolvimento na luta de libertação de Moçambique (Graça Machel foi mulher e viúva do líder revolucionário socialista e ex-presidente de Moçambique, Samora Machel, que liderou a Guerra da Independência e se tornou o primeiro presidente daquela nação, governando de 1975 a 198), ela é defensora internacional de mulheres e de direitos da criança.

Nelson Mandela e Graça Machel

Mandela e Graça Machel (fundo) durante instalação de The Elders (Johanesburgo, 2007)

Foi sob o comando dela o o primeiro estudo das Nações Unidas sobre o impacto da guerra sobre as crianças. Junto com Mandela, ela ajudou a fundar o The Elders , grupo independente que reúne líderes globais para pensar  a paz e pelos direitos humanos. Ela nãe era apenas a esposa, mas também uma companheira.

 

Casamentos – Nelson Mandela casou-se em 1944 com Evelyn, com quem teve dois filhos e se divorciou em 1957. Um ano depois, ele se casou com Winnie Madikizela-Mandela.

O casamento sobreviveu seus 27 anos na prisão, mas terminou em divórcio em 1996. Pouco depois de sua libertação da prisão, Mandela se uniu com Graça Machel. O casal oficializou a união no 80 º aniversário de Nelson Mandela (em 18 de julho de 1998). O casamento foi anunciado em sua festa de aniversário, que contou com a presença de 2.000 convidados internacionais. | Fonte: South Africa Storylines

 

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply